15/9/19
 
 
Portugal quer receber Europride em 2022

Portugal quer receber Europride em 2022

João Biscaia Jornal i 11/01/2019 19:25

Candidatura tem o apoio do Governo português

Portugal quer receber o maio evento LGTI+ da Europa, o Europride, em 2022, e será já na próxima sexta-feira que a Variações – Associação de Comércio e Turismo LGBTI+ de Portugal, com o apoio da ILGA e do Governo português, vai apresentar a candidatura.

“A nossa candidatura é aberta e quer envolver todo o país, desde Bragança a Faro”, explica Diogo Vieira, diretor executivo da associação, citado pelo jornal Público.

O evento, que deverá durar dez dias em setembro de 2022, arranca no Porto e termina em Lisboa. Além de concertos, devem realizar-se também conferências e atividades culturais como dança e teatro.

A associação vai ainda “sondar publicamente autarquias ou organizações para perceber se querem realizar eventos que se enquadrem na dinâmica do Europride”.

“Lisboa é uma cidade LGBTI+-friendly, mas nós queremos que esta forma de estar chegue ao resto do país”, diz Diogo Vieira.

Será na próxima sexta-feira que a carta e intenções serão entregues à direção da European Pride Organisers Association e, de acordo com o mesmo jornal, estarão presentes as secretárias de Estado do Turismo, da Cultura e para a Cidadania e Igualdade.

“O envolvimento político e governamental, ainda que apenas institucional, mostra que a vontade não é apenas de uma associação. É todo um país que está envolvido nesta afirmação de igualdade”, refere o diretor.

“O Europride terá mais impacto e vai atrair mais pessoas que a Eurovisão ou que a Web Summit”, acrescenta.

Este ano o Europride acontece em Viena, Áustria.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×