23/7/19
 
 
Sporting. Luiz Phellype estreia-se nos convocados para defrontar o FC Porto

Sporting. Luiz Phellype estreia-se nos convocados para defrontar o FC Porto

Facebook Luiz Phellype Bruno Venâncio 11/01/2019 18:40

O avançado recrutado ao Paços de Ferreira está nos 18 eleitos por Marcel Keizer, ao contrário do castigo Acuña, do lesionado Montero e do jovem Miguel Luís, este de fora por opção técnica

Luiz Phellype é a grande novidade na lista de convocados de Marcel Keizer para o clássico deste sábado entre o Sporting e o FC Porto. O avançado brasileiro de 25 anos, contratado neste mercado de janeiro ao Paços de Ferreira, ainda não havia sido chamado pelo treinador holandês, estreando-se logo num jogo grande. Aos eleitos regressam ainda Bas Dost e Jovane Cabral; pelo contrário, Acuña fica de fora por castigo, depois de ter visto o quinto amarelo na derrota em Tondela, com Montero a cair das opções por lesão e o jovem Miguel Luís por opção técnica.

Os leões chegam a esta partida com oito pontos de desvantagem para o FC Porto, pelo que o encontro se reveste de capital importância. Ainda assim, Keizer não o considera decisivo - e explica porquê. "Já disse que vai ser um jogo muito importante. Eles estão a jogar bem, vêm de uma série de 18 jogos a ganhar e nós perdemos o último. O jogo de amanhã é importante, mas não é decisivo. Todos os jogos são importantes. Há quatro equipas a lutar pelo título, muita coisa pode acontecer. Se fossem só dois candidatos, as contas seriam diferentes, mas entre quatro muita coisa pode acontecer, a época é longa. Eles [FC Porto] estão na Liga dos Campeões, vão ter dificuldades, como todos. Sabemos o que está em jogo, mas temos de olhar apenas para nós. O resultado deste jogo não vai ser decisivo, mas precisamos da vitória", salientou o treinador holandês.

Considerando "bom" ter novamente Bas Dost à sua disposição, Marcel Keizer abordou ainda o facto de ter deixado Luiz Phellype fora dos convocados para a deslocação a Tondela e depois ter acabado com Coates a ponta-de-lança, no forcing final para chegar ao empate. "Percebo a vossa opinião. Mas começámos o jogo com Diaby, Nani e Raphinha, três jogadores rápidos. Depois ainda entrou o Fredy [Montero]. Nos últimos cinco minutos fizemos sete ataques. Havia mais possibilidades, mas foi o que escolhemos, não lamento", atirou o técnico, pedindo aos jogadores mais agressividade e melhorias em termos defensivos: "A pressão alta em futebol tem a ver com estratégia: se não tiveres qualidade de passe, não podes jogar com pressão alta. Temos de nos adaptar ao jogo. Queremos voltar a ver o mesmo tipo de jogo, mas o mais importante é melhorar a qualidade de passe e jogar bem. Gostávamos de não ter concedido golos, como é óbvio, mas no jogo o mais importante é marcar e isso temos conseguido fazer na maior parte das vezes. Queremos fazer melhor, claro que queremos fazer melhor. É isso que tentamos fazer todos os dias."

Em relação ao mercado, que pode trazer novidades para o plantel, Keizer foi bem mais evasivo. "Não posso dizer nada neste momento. Para já, esta é a equipa que tenho. O mais importante é o jogo de amanhã", destacou, respondendo no mesmo tom quando o tema passou a ser as arbitragens - algo que nunca comenta: "Espero continuar assim, mas não posso prometer. Para mim, o mais importante é o Sporting, com onze em campo e sete no banco, tentar dar o melhor para fazer o seu trabalho, assim como os árbitros vão tentar fazer o seu melhor. Se cometermos erros, o árbitro também os comete. Temos de lidar com isso."

 

 

Lista de convocados do Sporting

Guarda-redes: Renan e Salin

Defesas: Ristovski, Bruno Gaspar, André Pinto, Coates, Mathieu e Jefferson

Médios: Petrovic, Bruno Fernandes, Wendel e Gudelj

Avançados: Bas Dost, Nani, Raphinha, Luiz Phellype, Jovane e Diaby

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×