24/8/19
 
 
Valongo. Proteção Civil confirma o fim das operações de resgate

Valongo. Proteção Civil confirma o fim das operações de resgate

Joaquim Gomes Jornal i 16/12/2018 14:42

Este é o acidente aéreo mais grave ocorrido este ano no país

A Proteção Civil confirmou na tarde deste domingo que terminaram as operações de resgate das quatro vítimas mortais, na sequência da queda de um helicóptero do INEM no último sábado, em Valongo.

"Já foram recolhidos os quatro corpos e já foram conduzidos ao IML", disse Marco Martins, presidente da Comissão Distrital do Porto da Proteção Civil.

O comandante, piloto João Lima e o copiloto Luís Rosindo são as vítimas mortais, assim como o médico Luís Vega e a enfermeira Daniela Silva, ainda voluntária dos Bombeiros de Baltar, em Paredes, concelho vizinho do de Valongo, onde ocorreu a tragédia.

As más condições climatéricas, como o nevoeiro, vento e a forte chuva, terão contribuído para a tragédia, numa altura em que os tripulantes regressavam à Base de Macedo de Cavaleiros, distrito de Bragança, depois de terem transportado uma mulher ao Hospital de Santo António, no Porto.

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, determinou hoje à Autoridade Nacional de Proteção Civil a abertura de um inquérito técnico e urgente ao funcionamento dos mecanismos de reporte da ocorrência e de lançamento de alertas em relação ao acidente.

Este é o acidente aéreo mais grave ocorrido este ano no país, elevando para seis o número de vítimas mortais em acidentes com aeronaves desde janeiro.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×