19/8/19
 
 
Theresa May enfrenta moção de censura do próprio partido

Theresa May enfrenta moção de censura do próprio partido

Aris Oikonomou / AFP Jornal i 12/12/2018 08:56

A votação deverá acontecer esta tarde entre as 18h00 e as 20h00

Os deputados do próprio partido de Theresa May vão avançar esta quarta-feira com uma moção de censura à liderança da primeira-ministra britânica.

O anúncio acontece um dia depois de May anunciar o adiamento da votação do acordo com a União Europeia para o Brexit. Segundo a BBC, a votação da moção de censura deverá acontecer entre as 18h00 e as 20h00 desta quarta-feira, na Câmara dos Comuns, sendo o resultado anunciado momentos depois.

Se Theresa May conseguir juntar a maior dos votos a seu favor, a primeira-ministra poderá continuar à frente do governo britânico durante mais um ano, no entanto, caso a moção de censura seja aprovada May terá de se afastar da liderança dos Conservadores enquanto o partido nomeia um novo líder e, consequentemente, um novo primeiro-ministro.

Para além disso, segundo o secretário de Estado da Justiça, David Gauke, em declarações à BBC Radio 4, a saída de May pode pôr em causa os prazos estipulados pela União Europeia para o Brexit. “Se ela perder esta noite, quem for o primeiro-ministro terá de atrasar o artigo 50. Não acredito que seja possível sair a 29 de março”, disse manifestando esperança de que a líder dos Conservadores vença a votação

O mandato de May tem sido muito polémico uma vez que a primeira-ministra assumiu funções pouco tempo depois do referendo para a saída do Reino Unido da União Europeia ter sido aprovado.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×