16/12/18
 
 
SEF identifica 47 jogadores de futebol em situação irregular

SEF identifica 47 jogadores de futebol em situação irregular

DR SOL 07/12/2018 12:09

Uma operação de fiscalização a 20 associações e clubes desportivos na zona centro do país levou o SEF a notificar 32 jogadores para que abandonassem o país

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) identificou 47 futebolistas estrangeiros que jogam em Portugal e estão em situação irregular, sendo que 32 deles devem abandonar o país.

A operação de fiscalização foi feita a 20 associações e clubes desportivos que integram as competições nacionais, a II Liga e o Campeonato de Portugal, nos distritos de Coimbra, Aveiro, Viseu, Leiria, Castelo Branco e Guarda. No total foram identificados 241 futebolistas, sendo que 135 não tinham nacionalidade portuguesa.

"Destes, constatou-se que 47, todos maiores de idade, encontravam-se em situação irregular, ou por não possuírem qualquer visto ou título que os autorizasse à permanência em território nacional, ou porque não estavam habilitados ao desempenho da atividade que exerciam", pode ler-se no comunicado.

Entre os jogadores notificados, 32 devem abandonar o país voluntariamente nos próximos 20 dias, podendo vir a ser expulsos caso não cumpram a ordem do SEF. Os restantes 15 atletas poderão requerer a regularização dos documentos, comparecendo nas instalações das entidade.

"Foram ainda identificados 35 cidadãos que aguardam decisão sobre processos de regularização em curso no SEF", acrescenta o SEF.

Aos clubes e associações foram instaurados 12 procedimentos de contraordenação que podem representar coimas entre os 28 mil e os 140 mil euros. Há ainda três instituições onde o SEF está a apurar indícios da prática de crimes de falsificação de documento e auxilio à imigração ilegal. Os dados já foram enviados ao Ministério Público para uma maior investigação.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×