5/4/20
 
 
Sub-21. Portugal falha apuramento para o Europeu

Sub-21. Portugal falha apuramento para o Europeu

DR Laura Ramires 21/11/2018 12:02

Os comandados de Rui Jorge ficaram sem acesso à fase final da prova após a derrota com a Polónia

Surpresa em Chaves: Portugal perdeu por 3-1 diante da Polónia e desperdiçou a vantagem (1-0) que havia trazido de solo polaco, falhando desta forma o apuramento para Campeonato da Europa sub-21, assim como a oportunidade de marcar presença nos Jogos Olímpicos de 2020 (já lá vamos).

Os comandados de Rui Jorge precisavam de um empate para garantir a passagem à fase final da prova, mas esse cenário começou desde cedo a complicar-se já que os polacos só precisaram de 25 minutos para estarem a vencer por uma vantagem bastante confortável (3-0). Bielik, a cabecear sozinho após canto aos seis minutos, inaugurou o marcador, seguindo-se, dois minutos depois, um novo desvio de cabeça para o fundo das redes à guarda de Joel Pereira, desta feita por Kownacki. Numa altura em que pior parecia impossível, Zszymanski apareceu no interior da área a desviar para o 3-0. 

Já na segunda metade, aos 51 minutos, Diogo Jota, de cabeça, reduziu a desvantagem após cruzamento de Diogo Gonçalves, mas em nada alterou o rumo da qualificação. O atual jogador do Wolverhampton já sido, de resto, o responsável pelo golo solitário do plantel português na Polónia. 

Desde 2013 que Portugal não ficava de fora de uma fase final de um Europeu da categoria. Em 2017, os miúdos não conseguiram ir além da fase de grupos, mas em 2015 o plantel luso, recorde-se, chegou à final da competição, que havia de perder para a Suécia, num encontro que só ficaria decidido através das grandes penalidades. Estas duas conquistas já foram sob o comando de Rui Jorge, técnico que está, aliás, há oito anos a orientar a turma sub-21 portuguesa.

Já a Polónia junta-se na fase final do Europeu à Itália (anfitriã), Croácia, Espanha, Dinamarca, Inglaterra, Alemanha, Bélgica, Sérvia, Roménia, França e Áustria.

 

Portugal também falha os JO2020

Além de não marcar presença no próximo ano em Itália, país que vai acolher o Campeonato da Europa da categoria, a equipa lusa também vai falhar os Jogos Olímpicos (JO) de Tóquio em 2020. Em causa está o facto de o apuramento de seleções do Velho Continente para as olimpíadas ser feito através da fase final do Europeu, sendo apuradas para os JO apenas as quatro equipas que chegarem às meias-finais da competição.

“É um momento dececionante. Não conseguimos contrariar a Polónia. Fomos penalizados e mais uma vez após golo sofrido não tivemos discernimento para serenar. Depois o segundo abateu mais a equipa. Ao terceiro remate foi o terceiro golo e ficou tudo muito adverso. Ainda nos soltámos um bocadinho, mas não conseguimos estar à altura do jogo e saímos derrotados. Houve bastante falta de agressividade nos primeiros minutos e quando isso acontece com equipas de bom nível corremos riscos e sofremos”, disse no final do jogo o selecionador nacional, adiantando que a formação lusa cometeu “demasiados erros para estar na fase final da prova”. 

Embora desiludido, Rui Jorge discordou que tenha sido a melhor seleção a ficar de fora do Europeu. “Tenho dificuldade em falar em geração dourada, não sei a que geração se referem. Também há gerações douradas de outros países”, rematou.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×