7/4/20
 
 
Se Michelle Obama se candidatasse agora ganhava a Donald Trump

Se Michelle Obama se candidatasse agora ganhava a Donald Trump

Joe Raedle / AFP Jornal i 13/11/2018 16:18

A própria Hillary Clinton aparece na sondagem como vencendo com mais 6% de votos do que o atual presidente

Donald Trump vai ter que ficar muito atento. Isto porque, segundo uma sondagem divulgada esta terça-feira, caso Michelle Obama se candidatasse às próximas eleições, iria ‘roubar-lhe’ a Casa Branca com uma diferença significativa.

Mas a ex-primeira-dama não foi o único nome que ficou à frente de Donald Trump na sondagem feita pela Axios e SurveyMonkey. Existem várias mulheres que venceriam as eleições numa luta contra o atual presidente, entre elas Oprah Winfrey, Kirsten Gillibrand, senadora de Nova Iorque, e até Hillary Clinton, mas também o ex-vice-presidente democrata Joe Biden.

Mais de 10 mil pessoas responderam à pergunta em quem votariam se as eleições de 2020 fossem agora. Michelle Obama ficou com uma vantagem de 16 pontos percentuais em relação a Trump, tendo o atual presidente conquistado 40% das inteções. Já Oprah Winfrey apareceu em segundo lugar com mais 14 pontos percentuais dos votos do que o atual presidente.

Hillary Clinton que defrontou Donald Trump nas últimas eleições apareceu nesta sondagem com mais 6 pontos percentuais do que o rival, enquanto Kirsten Gillibrand tinha mais 8 pontos percentuais e Joe Biden, que está prestes a completar 78 anos, ganharia as eleições com uma vantagem de 12 pontos percentuais.

A popularidade de Trump tem vindo a diminuir. Cerca de 47% dos entrevistados para a sondagem – feita antes das eleições intercalares – afirmou ter uma opinião “desfavorável” do presidente.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×