19/12/18
 
 
Pinto da Costa constituído arguido no caso dos emails

Pinto da Costa constituído arguido no caso dos emails

Gonçalo Fernandes Santos Jornal i 09/11/2018 20:00

Para além de Pinto da Costa e mais três pessoas da administração do FC Porto, foram também constituídos como arguidos outras três pessoas

Jorge Nuno Pinto da Costa foi esta sexta-feira ouvido, no DCIAP, e constituído arguido no caso dos e-mails do Benfica, segundo uma nota publicada no site do Ministéiro Público.

Além do presidente do FC Porto, outros três administradores da SAD do FC Porto foram constituídos arguidos neste caso. Pinto da Costa e os restantes dirigentes são suspeitos de crime de violação de correspondência e ofensa a pessoa colectiva.

“No âmbito de inquérito que teve origem numa queixa apresentada pelo Sport Lisboa e Benfica, foram, hoje, constituídos e interrogados sete arguidos. Estes arguidos encontram-se indiciados pela prática do crime de ofensa a pessoa coletiva, estando, ainda, um deles indiciado pela prática crime de violação de correspondência”, pode ler-se na nota publicada pelo DCIAP.

Pinto da Costa passou a manhã de sexta-feira nas instalações da DCIAP para ser ouvido na sequência da queixa apresentada pelo Benfica sobre a correspondência do clube que foi divulgada. O presidente do FC Porto não prestou declarações.

Para além de Pinto da Costa e mais três pessoas da administração do FC Porto, foram também constituídos como arguidos outras três pessoas.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×