19/9/19
 
 
GNR detém mulher que fingia ter cancro

GNR detém mulher que fingia ter cancro

DR Jornal i 07/11/2018 11:02

Daniela Costa terá conseguido angariar milhões de euros fingindo ter cancro no útero

 

A GNR deteve uma mulher de 33 anos, em Albufeira, que durante dois anos fingiu lutar contra um cancro no útero, que se teria estendido aos pulmões e aos ossos. Daniela Costa terá conseguido angariar milhões de euros através de campanhas promovidas por associações e empresários.

A mulher foi acusada pelo Ministério Público (MP) do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Faro por burla qualificada. Daniela Costa é "suspeita de ter ao longo de anos angariado diversas quantias monetárias com a falsa alegação de ter uma doença oncológica e de precisar de dinheiro para tratamento", confirmou o MP ao Correio da Manhã.

A mulher foi desmascarada em outubro do ano passado quando estava na Fundação Champalimaud, onde costumava ir muita vezes fingindo sofrer de cancro. A PSP foi chamada e Daniela Costa foi levada para a psiquiatria.

Apesar de não haver qualquer registo de doença oncológica, foi diagnosticada uma perturbação psíquica.

A notícia do fingimento de Daniela Costa chocou a população de Albufeira que se mobilizou para a ajudar.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×