7/4/20
 
 
Brasileira conquista prata e descobre que pai morreu antes de subir ao pódio

Brasileira conquista prata e descobre que pai morreu antes de subir ao pódio

Jornal i 22/10/2018 10:33

Brasileira recebe notícia da morte do pai pouco antes de subir ao pódio

A atleta brasileira Cátia Oliveira, de 27 anos, conquistou a medalha de prata no Mundial Paralímpico de Ténis de Mesa, sábado passado na Eslovénia.

Mas a sua vitória ficou manchada pela morte do pai, notícia que a atleta teve conhecimento pouco antes de subir ao pódio.

O pai da atleta, Flávio Alves de 47 anos, teve um ataque cardíaco após saber do bom resultado da filha paraplégica.

Cátia Oliveira fez questão de subir ao pódio como forma de homenagem ao pai, um dos principais incentivadores da sua prática desportiva, escreve o site brasileiro Globo Esporte.

Já no dia anterior, Flávio Alves teve de ser assistido no hospital quando soube que a filha tinha vencido uma atleta italiana na meia-final.

Os atletas do Mundial fizeram um minuto de silêncio antes da cerimónia de entrega das medalhas

O Ministério do Desporto do Brasil apresentou uma nota de pesar, onde lamenta a morte do pai da atleta e dá seus sentimentos à família e amigos.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×