10/4/20
 
 
Itália. Icardi esperou até ao fim para resolver o dérbi de Milão

Itália. Icardi esperou até ao fim para resolver o dérbi de Milão

Facebook Icardi Bruno Venâncio 21/10/2018 22:23

O goleador do Inter de Milão fez, aos 90'+2', o golo que deu a vitória sobre o AC Milan (1-0). Os nerazzurri estão agora a seis pontos da Juventus

Longe do brilhantismo de outros tempos, o dérbi de Milão mantém ainda assim uma aura especial. E o deste domingo voltou a não ser muito bem jogado, mas guardou a emoção toda para o fim: já nos descontos, Vecino fez um cruzamento largo para o centro da área do AC Milan e o inevitável Icardi, aproveitando um desentendimento entre o central e o guarda-redes Donnaruma, atirou a contar e fez o 1-0 que garantiu o triunfo ao Inter de Milão.

Os nerazzurri, onde João Mário não saiu do banco - ainda não se estreou esta temporada -, subiram mesmo ao terceiro lugar, agora a seis pontos da Juventus, que no sábado tropeçou pela primeira vez: Cristiano Ronaldo até marcou, mas não impediu o 1-1 caseiro frente ao Génova.

Destaque também para o Parma-Lazio, onde Bruno Alves cumpriu os 90 minutos no centro da defesa parmesã. O jogo ficou resolvido apenas nos últimos minutos: aos 81’, Immobile inaugurou o marcador através de uma grande penalidade, com o suplente Correa a confirmar o triunfo da equipa de Roma em cima do apito final.

 

Banco salva Marco Foi também nos últimos minutos que o Everton, orientado por Marco Silva, conquistou os três pontos na receção ao Crystal Palace, na nona jornada da Premier League. O 2-0 final, todavia, não reflete as enormes dificuldades que os toffees sentiram - o guardião Pickford defendeu mesmo um penálti aos 59’.

A três minutos dos 90, Calvert-Lewin, que havia entrado pouco antes para o lugar do estreante André Gomes, fez o primeiro golo do Everton, com o turco Tosun, também ele saído do banco durante a segunda parte, a confirmar o triunfo aos 89’. O Everton está agora com os mesmos 15 pontos do Wolves, de Nuno Espírito Santo, e um ponto à frente do Manchester United de José Mourinho.

Na liga espanhola, mais uma jornada recheada de surpresas. Depois do triunfo do Levante no Santiago Bernabéu e da vitória em Vigo que levou o Alavés ao segundo posto, eis que o Espanhol foi vencer ao terreno do Huesca (Rúben Semedo cumpriu os 90’) e subiu também à vice-liderança do campeonato, com os mesmos 17 pontos do Alavés.

Igualmente surpreendente foi a vitória (0-1) do recém-promovido Valladolid em casa do Bétis, que contou com William Carvalho nos 90’. Um golo de Antoñito aos 35’ fez o resultado e deixou o conjunto visitante no sexto lugar, fruto de uma série impressionante de quatro vitórias consecutivas. Já o Bétis vai desiludindo e caiu para décimo.

Também o Getafe conseguiu vencer no recinto do Rayo Vallecano (1-2), com Antunes a levar a melhor sobre Bebé: foi mesmo do lateral-esquerdo português a assistência para o primeiro tento dos visitantes, que agora ocupam o nono lugar. O Rayo é penúltimo, com os mesmos pontos do lanterna-vermelha Huesca.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×