26/9/18
 
 
Djokovic comenta polémica entre Serena Williams e o árbitro Carlos Ramos

Djokovic comenta polémica entre Serena Williams e o árbitro Carlos Ramos

AFP Jornal i 11/09/2018 13:10

Situação polémica aconteceu durante a final feminina do torneio US Open

Depois da polémica entre Serena Williams e o árbitro português Carlos Ramos, na final feminina no torneio US Open, nos EUA, o tenista Novak Djokovic, vencedor da competição na categoria masculina, comentou a situação e referiu que a atitude da tenista norte-americana foi “desnecessária”.

"O árbitro não mudou o rumo da partida. Na minha opinião talvez tenha sido desnecessário. Todos temos as nossas emoções, principalmente quanto lutamos por um título do Grand Slam", disse Djokovic, em declarações ao New York Times.

Também Steve Simon, diretor da WTA (Associação de Ténis Feminino), se pronunciou acerca da polémica e mostrou não estar de acordo com a atitude de Serena Williams.

"A WTA acredita que não deve haver diferença nos padrões de tolerância fornecidos às emoções expressas por homens versus mulheres e está comprometida em trabalhar para garantir que todos os jogadores sejam tratados da mesma forma. Não acreditamos que isso tenha acontecido ontem à noite", disse.

Recorde-se que, Serena Williams foi penalizada por receber indicações do treinador, na bancada (Coaching), por partir uma raqueta e ainda por abuso de linguagem – ao chamar o árbitro de “ladrão e “mentiroso”. Posteriormente, a norte-americana acusou mesmo Carlos Ramos de sexismo e exigiu um pedido de desculpas.

Serena Williams foi multada em 14 mil euros pela organização do US Open.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×