13/11/18
 
 
OE2019. BE quer “apoios à reflorestação”

OE2019. BE quer “apoios à reflorestação”

Miguel Silva Jornal i 28/08/2018 21:00

Catarina Martins, a coordenadora do Bloco de Esquerda (BE) defendeu, esta terça-feira, que o Orçamento do Estado para 2019 deve “ter capacidade para responder” a projetos de reflorestação. Objetivo? Ordenar as áreas consumidas pelos incêndios, tanto ao nível económico como ambiental.

"Deve haver uma correspondência orçamental para a enorme importância que são os programas de reflorestação, que permitam limpar agora terrenos e proteger as linhas de água e, por outro lado, reflorestar, e que seja dos pontos de vista económico e ambiental, a melhor escolha para as populações", disse a líder do BE aos jornalistas, durante a sua visita à freguesia de Alferce, no concelho de Monchique.

Catarina Martins esteve esta terça-feira reunida com o presidente da Câmara Municipal de Monchique, e visitou várias zonas ardidas pelas chamas de 3 de agosto. O incêndio consumiu cerca de 28 mil hectares de floresta.

"Além da importância da reconstrução das habitações permanentes, é importante ajudar os setores da agricultura de subsistência e familiar a ter os apoios, porque muitas vezes a burocracia é incompreensível para as pessoas que perdem tudo e que já são mais vulneráveis", disse ainda à comunicação social que ali se encontrava.

Segundo a líder do BE, "as exigências que são feitas para os apoios, são exigências a que estas pessoas não conseguem responder, sendo necessárias regras claras e apoio no terreno para as pessoas saberem pedir apoio".

"Para nós é fundamental este apoio às pessoas que não sabem sequer recorrer aos apoios que existem. Daí ser muito importante que junto das juntas de freguesias e do poder local se criem formas de apoiar estas pessoas. A burocracia não pode impedir esta gente de ter os apoios a que têm direito", sublinhou.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×