14/11/18
 
 
Susan Sarandon escreve a senadores argentinos na defesa do aborto

Susan Sarandon escreve a senadores argentinos na defesa do aborto

08/08/2018 12:40

Senado da Argentina vota hoje a lei da despenalização da interrupção voluntária da gravidez

A atriz Susan Sarandon enviou ontem uma mensagem aos senadores argentinos através do Twitter a pedir-lhes que "deem às mulheres o direito de decidir" na questão do aborto. O Senado da Argentina vota hoje a lei de descriminalização da interrupção voluntária da gravidez, numa votação que se vê muito renhida e cuja tendência parece ser a de que não passará.

"A criminalização do aborto não impede as mulheres de abortarem; apenas as empurra para lugares clandestinos e perigosos", refere a atriz norte-americana.

Sarandon lembra aos senadores argentinos que "o mundo está a olhar para eles".

Ao que tudo indica votação da lei sobre o aborto legal, seguron e gratuito na Argentina não deverá passar hoje no Senado, depois de uma senadora ter mudado de posição e referido publicamente que ia votar contra a legislação, o que numa câmara dividida poderá fazer a diferença.

Atualmente, a interrupção voluntária da gravidez só é permitida em caso de violação ou de risco de vida para a mãe.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×