25/9/18
 
 
Se Lisboa ficar em alerta vermelho devido ao calor vai ter abrigos temporários

Se Lisboa ficar em alerta vermelho devido ao calor vai ter abrigos temporários

Jornal i 01/08/2018 15:16

A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) indicou hoje que, se o nível do plano de contingência devido ao calor subir para alerta vermelho, serão ativados os abrigos temporários para as pessoas mais vulneráveis.

De acordo com a ARSLVT, durante o dia de ontem, na região de Lisboa e Vale do Tejo, não havia necessidade de subir o nível para alerta vermelho, mas como a previsão é de que as temperaturas continuem a aumentar significativamente, é provável que o nível possa subir, disse à Lusa o delegado regional de saúde adjunto desta entidade, Nuno Lopes.

“Na região de Lisboa e Vale do Tejo não estamos no pior dos cenários, estamos ainda num nível intermédio - amarelo -, que já prevê todo o conhecimento relativamente aos abrigos que, numa situação de calor extremo, serão ativados”, afirmou o responsável da ARSLVT.

Recorde-se que, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a temperatura vai subir muito em todo o país, mantendo-se muito elevada até ao fim de semana, com vários avisos laranja a passarem a vermelhos já a partir de amanhã e até às 05h59 de sábado.

Os distritos em alerta vermelho devido às elevadas temperaturas são Bragança, Évora, Guarda, Vila Real, Santarém, Beja, Castelo Branco, Portalegre e Guarda.

O IPMA indica que as temperaturas máximas vão estar "muito acima dos valores normais para a época" e que podem mesmo atingir "máximos absolutos em vários locais".

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×