26/9/18
 
 
Greve dos trabalhadores ferroviários. Adesão de quase 90% em Lisboa e no Porto

Greve dos trabalhadores ferroviários. Adesão de quase 90% em Lisboa e no Porto

José Sérgio Jornal i 04/06/2018 08:33

Não foram decretados quaisquer serviços mínimos

Os trabalhadores ferroviários da CP, da Medway e da Takargo estão, esta segunda-feira, em greve para se manifestarem contra a possibilidade de circulação de comboios com apenas um único agente.

Os sindicatos estão a prever que a paralisação tenha “um grande impacto na circulação de comboios” e a CP admite que podem ocorer “fortes perturbações na circulação”.

O coordenador da Federação Sindical dos Transportes e Comunicações (FECTRANS), José Manuel Oliveira, avançou à Lusa que a maioria dos comboios suburbanos não deverão circular durante o período de greve.

Recorde-se que, os sindicatos que marcaram a greve consideram que “a circulação de comboios só com um agente põe em causa a segurança ferroviária — trabalhadores, utentes e mercadorias”, e defendem ser necessário ”que não subsistam dúvidas no Regulamento Geral de Segurança (RGS)”.

O pré-aviso de greve foi emitido por sindicatos da CGTP, da UGT e independentes, uma vez que acreditam que a redação do RGS deixa em aberto a possibilidade de os operadores decidirem se colocam um ou dois agentes nos comboios.

Uma outra greve está marcada para os dias 12 e 13 deste mês.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×