19/9/19
 
 
Afeganistão. Ofensiva talibã causa baixas "elevadas" entre as forças de segurança afegãs

Afeganistão. Ofensiva talibã causa baixas "elevadas" entre as forças de segurança afegãs

Jornal i 15/05/2018 11:20

"Vários postos de segurança na cidade foram invadidos por talibãs, estando em curso um intenso tiroteiro", disse Fared Baktawer, chefe do conselho provincial

A capital da província de Farah, no Afeganistão, foi alvo de um forte ataque de militantes talibãs proveniente de "múltiplas direções", disse Fared Baktawer, chefe do conselho provincial, à agência Lusa. 

"Vários postos de segurança na cidade foram invadidos por talibãs, estando em curso um intenso tiroteiro", explicou Baktawer, acrescentando que os mortos entre as forças de segurança "são altas", sem fornecer números concretos. Também Abdul Basir Salangi, governador da província de Farah, confirmou estar a decorrer uma "intensa batalha" na cidade, sem, contudo, dar mais pormenores. 

Os media locais dão uma imagem de uma cidade em pé de guerra, com lojas fechadas, ruas desertas e onde se ouvem tiros. Entretanto, vários pontos estratégicos de segurança foram invadidos por combatentes talibãs, dificultando a reação das forças de segurança, com os primeiros a aproximarem-se da sede da polícia e do governador. 

Os talibãs já reivindicaram o ataque. O ministério da Defesa afegão já anunciou que as forças armadas e policiais afegãs foram capazes de suster a ofensiva e de obrigar os talibãs a recuarem. 

A ofensiva talibã demonstra que o grupo está a ganhar cada vez mais confiança na disputa de território. Farah faz fronteira com Helmand, província onde os talibãs controlam vários distritos, assumindo-se como um bastião das forças talibãs.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×