14/11/18
 
 
Socialistas indignados com PSD por levar caso Sócrates ao parlamento

Socialistas indignados com PSD por levar caso Sócrates ao parlamento

Luís Claro 10/05/2018 15:26

Deputados do PS classificam atuação dos sociais-democratas como “miserável” e “ofensiva”

Os socialistas ficaram indignados com o PSD por ter levado o caso Sócrates para o debate quinzenal com António Costa.

A estratégia do PSD tem sido duramente criticada por vários socialistas. Carlos César, acusou, hoje, os sociais-democratas de terem protagonizado “um exercício de retórica parcialmente ofensivo” e “inútil”. O líder do grupo parlamentar, no final da reunião semanal com os deputados, afirmou que “houve uma crispação introduzida pelo PSD no debate quinzenal que não contribuiu certamente para o esclarecimento daqueles que puderam acompanhar em direto esse debate”.

O vice-presidente do grupo parlamentar João Torres foi mais longe e classificou a atuação do PSD como miserável. “Para todos os que acreditam na institucionalidade da função parlamentar, para todos os que se reveem no princípio da separação de poderes, a palavra miserável não é bastante para qualificar as questões dirigidas ao primeiro-ministro”, escreve, nas redes sociais, o deputado socialista.

Negrão prometeu que o PSD de Rui Rio iria encarar os debates quinzenais como “sessões de trabalho” e distanciou-se do estilo utilizado até ali por Hugo Soares. A verdade é que, no debate desta quarta-feira, o PSD foi mais agressivo do que o habitual.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×