20/11/18
 
 
Bloco quer comissão parlamentar de inquérito ao caso de Manuel Pinho

Bloco quer comissão parlamentar de inquérito ao caso de Manuel Pinho

Miguel Silva Jornal i 30/04/2018 14:52

O anúncio foi hoje feito pelo deputado bloquista Jorge Costa à agência Lusa

O deputado bloquista Jorge Costa anunciou hoje que o Bloco de Esquerda vai pedir a constituição de uma comissão parlamentar de inquérito ao caso do ex-ministro Manuel Pinho, suspeito de ter recebido 500 mil euros da Espírito Santo Enterprises quando era ministro da Economia. A proposta será submetida esta quarta-feira ao parlamento. 

Com esta proposta, o Bloco pretende averiguar as "circunstãncias em que [as decisões] foram tomadas, sob a influência de quem, com base em que pareceres e em que opiniões técnicas, e com que resultados para os consumidores", disse o deputado à agência Lusa.

"Tudo o que tem vindo a público sobre a atuação do ministro Manuel Pinho durante o seu mandato como ministro da Economia [2005-2009 no no Governo de José Sócrates], no que respeita à energia, é gravíssimo, e leva à necessidade de um esclarecimento acerca de responsabilidades políticas na constituição de uma renda garantida, que veio a configurar em alguns anos cerca de um terço dos lucros da EDP", explicou. 

O bloquista considera ainda que Manuel Pinho não terá agido sozinho, daí ser necessário apurarem-se as "responsabilidades de todos os decisores políticos, todos os responsáveis de Governo que ao longo do tempo, desde o Governo de Durão Barroso e de Santana Lopes e depois no Governo Sócrates, com Manuel Pinho, foram definindo estas regras e criando estas leis". As entidades reguladoras também deverão ser chamadas à Assembleia da República.

O ex-ministro é suspeito de ter recebido, entre 2006 e 2012, cerca de um milhão de euros da Espírito Santo Enterprises, uma empresa 'offshore' sediada nas Ilhas Virgens Britânicas.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×