13/11/18
 
 
Portugal reduz taxa de abandono escolar precoce

Portugal reduz taxa de abandono escolar precoce

Shutterstock Jornal i 25/04/2018 13:11

Número de licenciados também aumentou

Em 2017, a taxa de abandono escolar precoce reduziu em Portugal, tendo-se fixado nos 12,6% comparativamente com 2006 em que a taxa era de 38,5%. O número de pessoas licenciadas também aumentou.

De acordo com o Eurostat, ano passado as maiores taxas de abandono escolar registaram-se em Malta com 18,6%, Espanha com 18,3%, na Roménia com 18,1% e na Itália com 14%. Já as taxas mais baixas registaram-se na Croácia com 3,1%, Eslovénia com 4,3%, na Polónia com 5,0% e na Irlanda com 5,1%.

Quanto às pessoas entre os 30 e 34 anos que acabaram o ensino superior, o ano passado, Portugal apresentava uma taxa de 33,5%. A Lituânia, Chipre, Irlanda, Luxemburgo e Suécia, são os países da União Europeia com a taxa de licenciados mais elevada. Já a Roménia, Itália e Croácia apresentam a menor taxa de licenciados.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×