14/11/18
 
 
FC-Porto - V.Setúbal. Goleada no regresso do dragão à liderança do campeonato

FC-Porto - V.Setúbal. Goleada no regresso do dragão à liderança do campeonato

Laura Ramires 23/04/2018 21:59

Dragão com chama não deu quaisquer hipóteses aos sadinos. 5-1 no final, com três golos de rajada após entrada avassaladora do plantel portista 

Sérgio Conceição tinha garantido que a derrota em Alvalade, no encontro que deixou o FC Porto de fora do jogo derradeiro da Taça de Portugal, era passado. Esta noite, o plantel portista só precisou de cerca de 15 minutos para mostrar a veracidade da mensagem dita pelo técnico. A entrada triunfal dos azuis-e-brancos, na recepção ao Vitória de Setúbal, foi a principal prova disso mesmo. Uma coisa era certa ainda antes do apito inicial: o dragão sabia que só dependia de si para voltar ao topo da tabela, bem como para ser campeão, contudo o lugar desejado estava há pouco mais de 48 horas ocupado à condição pelos encarnados do Benfica. Para inverter a situação, o FC Porto precisava de vencer os sadinhos e a missão foi cumprida em tempo recorde.

Avassalador Com uma entrada avassaladora, o FC Porto só precisou de 16 minutos para marcar... três golos. Foi pelo regressado Marega, ausente do encontro da Taça, que chegou o primeiro golo azul-e-branco (6’), e, instantes depois, Marcano ampliou o marcador (13’). Quando ainda se festejava a acrobacia feita pelo espanhol, eis que Brahimi, aos 16’, levou os adeptos ao rubro com o terceiro golo portista. A entrada dominante do FC Porto só foi travada pelo único golo dos sadinos, apontado por João Amaral à passagem do minuto 24.

Quando a formação orientada por José Couceiro voltava a acreditar que ainda era possível reorganizar a equipa e mudar o rumo do jogo chegou... Corona. Foi pelo pé direito do mexicano que chegou o quarto golo do emblema da Invicta, no minuto 36, altura em que os festejos por parte do público da bancada também foram direcionados para... o presidente Pinto da Costa. Em causa o 36.º aniversário da sua  liderança no clube azul-e-branco. 

Na segunda metade, oportunidades não faltaram, mas apenas uma foi concretizada: Alex Telles, após cobrança de um livre direto, sem hipóteses para o guardião do Bonfim, Cristiano, fez o 5-1 final.

Goleada no regresso do dragão à liderança, agora com 79 pontos, mais dois que o Benfica, segundo classificado, e cinco que o Sporting, terceiro na tabela.

O calendário até ao fim da liga A três jornadas do fim do campeonato português, o FC Porto terá mais um jogo no Dragão e outras duas deslocações. No próximo fim de semana (29 abril), os azuis-e-brancos seguem até à Madeira, para defrontar o Marítimo (6.º classificado), na penúltima ronda da Liga NOS (6 de maio) recebem o Feirense (17.º classificado) e, a 13 de maio, selam as contas com a visita ao reduto do Vitória de Guimarães (9.º classificado). Já o Benfica jogará por duas vezes em casa e tem apenas uma deslocação até... ao outro lado da 2.ª circular. Depois de receber o Tondela (11.º classificado) na Luz (28 abril), os encarnados visitam o reduto do Sporting (5 maio) e fecham a época desportiva (13 maio) com a receção ao Moreirense (13.º classificado). O Sporting, à semelhança dos azuis-e-brancos, joga fora em duas das últimas três jornadas. Na próxima ronda (28 abril), os leões vão até ao Algarve medir forças com o Portimonense (10.º classificado) e na última (13 maio) vão defrontar o próximo adversário do FC Porto, o Marítimo, na Madeira. Pelo meio (5 maio) haverá o já referido dérbi, em Alvalade. 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×