21/9/18
 
 
Síria. Ainda sem cientistas, Assad volta à vitória

Síria. Ainda sem cientistas, Assad volta à vitória

AFP Félix Ribeiro 19/04/2018 22:16

Dois territórios da oposição renderam-se perto de Damasco

O regime sírio prossegue a sua vitória gradual na guerra civil sem se mostrar perturbado com os bombardeamentos ocidentais do fim de semana. As tropas leais a Bashar al-Assad conquistaram esta quinta-feira um novo bairro rebelde nos arredores de Damasco através de mais um acordo de rendição. O governo sírio vem oferecendo à oposição armada perto da capital a chance de abandonar os seus territórios em autocarros com destino ao norte do país, onde os farrapos da revolução se reúnem por estas semanas para uma última batalha territorial. Ontem foi Dumayr, uma zona do nordeste de Damasco, onde a televisão síria mostrou já polícia e forças de segurança a ocupar as ruas, após a retirada de cinco mil pessoas, entre as quais 1500 homens armados. De acordo com a Reuters, o território de Qalamoun Oriental e a cidade de Rastan estão também a negociar a rendição.

Enquanto Assad prossegue o rumo vitorioso que antecedeu o aparente ataque químico de há duas semanas, os cientistas da Organização Internacional para a Proibição das Armas Químicas passa ainda os dias em_Damasco. A caravana na qual seguiam foi alvejada na quarta-feira e os especialistas internacionais parecem ainda não ter encontrado solução para entrar na cidade de Duma e tirar a limpo as acusações contra Assad que levaram aos bombardeamentos ocidentais. Segundo anunciaram ontem oficialmente os Estados Unidos, os ataques de Londres, Paris e Washington contra três alvos do regime ligados à produção de armas químicas foram incompletos. “[Os sírios] terão a capacidade de conduzir ataques limitados no futuro”, admitiu ontem o general americano Kenneth McKenzie.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×