23/9/18
 
 
Polícia que roubou telemóvel a condutor fica sem pena

Polícia que roubou telemóvel a condutor fica sem pena

18/04/2018 19:04

Um agente da PSP, que foi acusado de ter roubado um telemóvel de um condutor durante uma fiscalização que decorreu o ano passado no Porto, ficou sem qualquer pena depois de ressarcir a vítima.

O Tribunal São João Novo, no Porto, declarou “extinto o procedimento criminal". Segundo a magistrada o ofendido desistiu da queixa que tinha apresentado depois de o agente da PSP o ter ressarcido.

Recorde-se que na primeira sessão, a 4 de abril, o arguido confessou estar “muito arrependido”, acrescentando que nunca tinha feito uma “coisa daquelas antes” e que não sabe o que “lhe passou na cabeça” para roubar o telemóvel. 

Os factos remontam a dia 1 de outubro de 2017, quando o agente, por volta das 4h da manhã, mandou o condutor parar para fazer um teste de alcoolémia. O teste deu positivo e o homem foi conduzido para a esquadra da PSP.

O agente estacionou o carro do indivíduo e antes de fechar o veículo roubou o telemóvel no valor de 1.038 euros.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×