23/4/18
 
 
Costa disponível para reavaliar modelo de apoio às artes

Costa disponível para reavaliar modelo de apoio às artes

Jornal i 12/04/2018 20:18

Primeiro-ministro recebeu nesta sexta-feira a Comissão Informal de Artistas.

Uma semana depois dos protestos contra os resultados dos concursos da DGArtes, António Costa recebeu nesta sexta-feira a Comissão Informal de Artistas, depois do pedido de audiência da semana passada. No final da reunião, o primeiro-ministro afirmou a disponibilidade do governo para reavaliar o novo modelo de apoio às artes.

Em resposta à exigência de 1% já do próximo Orçamento do Estado para a Cultura, comprometeu-se apenas com um “crescimento sustentado” do orçamento para a Cultura.

“Ao receber hoje a Comissão Informal de Artistas, afirmei a disponibilidade do governo para, concluído este concurso, iniciar uma avaliação do modelo de apoio às artes em conjunto com o setor, assumindo o compromisso para com o crescimento sustentado do orçamento da cultura”, escreveu no Twitter o primeiro-ministro após a reunião.

Na carta na semana passada enviada a Costa, a Comissão Informal de Artistas, constituída no passado dia 31 de março, depois de terem sido conhecidos os resultados provisórios do concurso para os apoios ao teatro, afirmava que “o sistema que este governo impôs na cultura falhou por completo e de forma transversal, fragilizando ainda mais o setor artístico”, com o investimento público a manter-se num nível “largamente insuficiente” que não permite “atingir objetivos mínimos”.

Considerando os reforços orçamentais anunciados como solução “um primeiro reconhecimento da insuficiência das verbas” disponibilizadas para os apoios às artes, solicitavam depois uma audiência com Costa, “na esperança de que haja ainda neste Governo a disponibilidade e a capacidade para cumprir os desígnios que anunciou para a cultura”. E terminavam: “Acreditamos que o que está em causa não é apenas a sobrevivência das estruturas de criação artística profissional, mas sim a aposta num país mais desenvolvido, com cidadãos que possuam um maior espírito crítico e sentido democrático.”

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×