20/9/18
 
 
Mais de 9 mil vítimas pediram apoio à APAV

Mais de 9 mil vítimas pediram apoio à APAV

Jornal i 27/03/2018 11:03

A Associação de Apoio à Vítima atendeu mais de 40 mil vítimas de violência, onde se destacam os crimes de violência doméstica

Em 2017, a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima atendeu mais de 40 mil pessoas, das quais mais de nove mil vítimas pediram apoio. Um aumento no número de atendimentos na ordem dos 19%, se comparado com o período entre 2015 e 2016. 

No seu relatório, a APAV realça que os crimes de violência doméstica representam 75,7% do total dos crimes registados por si. Também se destacam os crimes de abuso sexual de crianças (175), o de perseguição (422) e o cibercrime (25). A maioria das vítimas são do sexo feminino (82,5%), entre os 25 e os 54 anos. Destes crimes, cerca de 46% foram denunciados às autoridades policiais competentes. 

"Da análise efetuada aos dados da APAV é possível confirmar a existência de um número superior de autores de crime, face ao número de vítimas", pode ler-se no relatório. Os autores dos crimes são, por sua vez, maioritariamente do sexo masculino (80%), entre os 35 e os 54 anos. A residência comum dos casais foi o local mais referenciado para a prossecução dos crimes, seguido da residência individual da vítima e espaços públicos, como a via pública. 

 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×