19/9/18
 
 
Autonomia e qualidade da câmara. O que os portugueses querem num smartphone durante as férias

Autonomia e qualidade da câmara. O que os portugueses querem num smartphone durante as férias

Jornal i 05/03/2018 19:03

As conclusões são da eDreams, uma agência de viagens online, que realizou um inquérito a mais de 12 mil consumidores.

Durante as férias, os portugueses valorizam, sobretudo, a autonomia das baterias e a qualidade das câmaras fotográficas dos smartphones. As conclusões são da eDreams, uma agência de viagens online, que realizou um inquérito a mais de 12 mil consumidores de Portugal, Reino Unido, França, Alemanha, Suíça, Estados Unidos, Itália e Espanha.

De acordo com o estudo, a autonomia da bateria é a característica mais valorizada num telemóvel para usar nas férias (87%), sobretudo pelos períodos mais longos sem possibilidade de carregar o telemóvel.

Contudo, a qualidade das câmaras que equipam os dispositivos móveis domina também os interesses dos consumidores portugueses. Segundo a eDreams, cerca de 85% dos portugueses tem em conta as especificações das câmaras fotográficas dos smartphones.

As mulheres são as que mais se preocupam com a qualidade das câmaras: 34% das utilizadoras preocupa-se com a câmara frontal (usada sobretudo para tirar selfies), contra 22% dos homens. Já a câmara traseira faz parte das principais preocupações de 62% das mulheres, contra 51% dos homens, sinal de que são elas que mais uso darão ao telemóvel para tirar fotos durante as férias.

Regiões

A nível geográfico, o estudo da eDreams revela que são os utilizadores do Norte do país e do Alentejo a dar mais importância à câmara frontal dos smartphones. Por outro lado, os algarvios destacam a preocupação de ter um telemóvel à prova de água para usar nas férias.

Os utilizadores do Norte e da região de Lisboa são aqueles que ligam mais à qualidade da câmara traseira dos smartphones. Os alentejanos ligam mais à durabilidade dos dispositivos (quase metade afirmaram ser um dos fatores que mais valorizam).

As preocupações dos portugueses a este nível estão acima da média das que foram assumidas pelos entrevistados dos outros países: cerca de 76% ligam à autonomia da bateria e 66% à qualidade das câmaras dos telemóveis.

Tempo de utilização

Durante as férias, 44% dos portugueses refere dar o mesmo tempo de utilização ao smartphone do que no resto do ano, enquanto um quarto admite usá-lo durante mais tempo. Em contrapartida, 29% dos portugueses afirma usar menos o seu telemóvel quando está de férias.

Neste caso, o comportamento dos portugueses distancia-se da média entre os países que fizeram parte deste inquérito: cerca de 40% refere usar menos o telemóvel quando está de férias; 38% refere dar o mesmo tempo de utilização e 16% diz que dá mais utilização ao smartphone do que nos restantes meses do ano.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×