22/1/18
 
 
Dragões vs leões e dois estreantes na festa da Taça

Dragões vs leões e dois estreantes na festa da Taça

AFP Photo Bruno Venâncio 14/01/2018 11:36

FC Porto e Sporting marcaram mais dois embates para fevereiro e abril. Na final, um deles vai defrontar o Aves ou os amadores do Caldas.

Estão definidas as meias-finais da Taça de Portugal, e se uma já era a esperada aquando do sorteio dos ‘quartos’, a outra constitui uma enorme surpresa. A 7 do próximo mês, iremos assistir ao terceiro encontro da temporada entre FC Porto e Sporting, este no Dragão, na primeira mão das meias-finais. Isto, duas semanas depois do embate em Braga, para as meias-finais daTaça da Liga. Segue-se o FC Porto-Sporting para o campeonato (agendado, por agora, para 4 de março), que se poderá revelar fulcral para decidir o campeão nacional 2017/18, e depois será preciso esperar até ao dia 18 de abril para assistir à segunda mão das ‘meias’ da Taça, em Alvalade. Quatro clássicos em menos de três meses: um luxo.

Nos quartos-de-final, dragões e leões confirmaram o favoritismo (venceram ambos por 2-1), mas sem a tranquilidade esperada inicialmente. No Bonfim, casa emprestada, o secundário Cova da Piedade atirou duas bolas aos ferros da baliza à guarda de RuiPatrício e Jorge Jesus viu-se obrigado ao intervalo a recorrer à cavalaria pesada – leia-se, Bruno Fernandes e Bas Dost – para resolver o encontro. O médio português abriu o marcador aos 54’ e o avançado holandês decidiu o jogo a 12’ dos 90, anulando o golo de penálti de Cléo aos 58’. Em Moreira de Cónegos, o FC Porto já vencia por 2-0 aos 20’, com golos de Herrera e Layún, mas tirou o pé demasiado cedo e acabou a sofrer calafrios: o estreante Edno marcou aos 73’ e o Moreirense ainda acreditou, mas não passou daí.

Contos de fadas

O outro dos finalistas desta edição da prova-rainha do futebol português sairá do embate entre Aves e Caldas, as duas grandes surpresas da competição. Num jogo de loucos, os avenses conseguiram eliminar o Rio Ave em Vila do Conde depois de estar a perder por 3-1 aos 88’. O 3-3 no fim dos 90’ já era fantástico, mas ainda haveria mais um golo para cada lado no prolongamento. No desempate por grandes penalidades, a vitória sorriu à equipa deVila das Aves, que chega pela primeira vez às meias-finais.

Tal como o Caldas, a mais bela história desta edição. Totalmente amadores, os caldenses superaram o Farense, também do Campeonato de Portugal, após prolongamento (3-2), e sonham agora poder receber o Aves no Campo da Mata (carinhosamente apelidado pelos locais como o mini-Jamor). Desde 2001/02, na épica caminhada do Leixões até à final, que uma equipa do terceiro escalão não chegava às meias-finais da prova. É a festa da Taça em todo o seu esplendor.
 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×