18/6/18
 
 
Ricardinho eleito melhor do mundo pela quinta vez

Ricardinho eleito melhor do mundo pela quinta vez

Shutterstock Laura Ramires 11/01/2018 08:34

Futsalista português do Inter Movistar faz história com nova distinção. Ricardinho é o primeiro jogador a alcançar o “penta”

Basta recorrer à alcunha de Ricardinho para definir o momento... Mágico! Simplesmente mágico. Os truques tirados diretamente dos pés do internacional português foram novamente reconhecidos esta quarta-feira com o atleta do Inter Movistar a ser eleito o Melhor Jogador do Mundo de futsal em 2017, troféu atribuído pelo portal Futsal Planet e que tem a chancela da FIFA. Esta é a quinta vez que Ricardinho vence o prémio, a quarta de forma consecutiva, depois das conquistas de 2010, ainda ao serviço do Benfica, e de 2014, 2015 e 2016, já com a camisola do clube espanhol.

Aos 32 anos, o portuense torna-se oficialmente no primeiro jogador a alcançar o “penta” na modalidade, ultrapassando um dos jogadores que mais admira, o rival brasileiro Falcão. Até ontem, o português e o brasileiro estavam empatados no topo do mundo com quatro distinções para cada. O ala de 40 anos havia vencido o galardão entregue pelo organismo internacional que dirige o futebol de salão e mundial em 2004, 2008, 2011 e 2012.

Na mensagem deixada nas suas redes sociais, Ricardinho dedicou o troféu, como é habitual, aos colegas de equipa e de Seleção. “Meu Deus sem palavras... obrigado... hoje fiz história muito graças ao trabalho de todos os meus companheiros de equipa e Seleção.. oficialmente 5 vezes o melhor do mundo, fizemos todos história.. muito feliz.. EU SOU PORTUGUÊS”, escreveu o jogador que tem contrato com o clube de Madrid até 2020.

Protagonista em solo espanhol

Aterrou no país vizinho em 2013 para representar o Inter Movistar, clube que não vencia um título desde 2008. Desde então Ricardinho tem sido o protagonista da equipa conhecida por “Máquina Verde”, quebrando inclusivamente a hegemonia do Barcelona.

Depois de cinco anos a atravessar uma seca de títulos, nos últimos cinco o Inter sagrou-se tetracampeão nacional (2013/14, 2014/15, 2015/16, 2016/17), venceu por três vezes a Taça de Espanha (2014, 2016 e 2017), levantou por uma vez a Taça do Rei (2014/15), bem como a Supertaça (2015). O português conquistou ainda, na época passada, a UEFA Futsal Cup.

Em entrevista ao i, em julho de 2017, confessava: “Lutei toda a vida para ter o foco em mim, por ser o melhor”. Confrontado como seria lidar com a pressão de ser o Melhor Jogador do Mundo, Ricardinho respondeu desprocupado: “Pressão? Pressão é não ter comida e condições para dar aos nossos filhos. Dediquei-me mil por cento a esta modalidade, amo este desporto, treino todos os dias com um sorriso na cara, sou um abençoado por ter a força mental e física para o poder potenciar junto dos meus companheiros e treinadores”, atirou.

Presidentes felicitam Ricardinho

O Marcelo Rebelo de Sousa e o presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernado Gomes, já felicitaram o atleta português. “Mais uma alegria e um motivo de orgulho para o Presidente da República e para todos os portugueses”, pode ler-se numa nota oficial publicada no site da Presidência. Por sua vez, o líder federativo disse que o prémiorepresenta “o reconhecimento universal do talento, do trabalho, da superação e, diga-se, da ‘magia’ do capitão da nossa seleção nacional de futsal”.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×