22/9/18
 
 
Apple processada por admitir que 'desacelera' iPhones

Apple processada por admitir que 'desacelera' iPhones

Jornal i 22/12/2017 13:26

A empresa justifica a funcionalidade com a falta de capacidade da bateria em acompanhar as atualizações de software

A Apple reconheceu esta semana aquilo que os donos de iPhones já sabiam: os telemóveis ficam mais lentos com as atualizações de software.

O alerta foi dado pela Primate Labs, empresa que desenvolveu uma aplicação que mede a velocidade de smartphones, ao publicar um estudo que mostra um desempenho mais lento do iPhone 6 e 7 à medida que se tornam mais antigos. 

A Apple reconheceu que reduz a energia de alguns iPhones de propósito desacelerando o processador, com o objetivo de fornecer a bateria exigida. "O nosso objetivo passa por dar aos clientes a melhor experiência, o que inclui o prolongar do tempo de vida dos aparelhos", disse um porta-voz da Apple. A empresa explica que o problema está nas baterias de iões de lítio que “são menos capazes de corresponder aos picos dos requisitos pedidos em ambientes mais frios, quando têm menos carga ou com o passar do tempo, o que pode resultar no dispositivo desligar-se inesperadamente para proteger os componentes eletrónicos”.

Esta confirmação provocou a fúria dos utilizadores de iPhones que acreditam que esta técnica usada pela empresa serve apenas para obrigar os clientes a comprar novos equipamentos. Por isso, a Apple conta já com vários processos, que acusam a empresa de interferir com os smartphones sem o consentimento dos donos, além de promover a troca para telemóveis mais recentes.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×