18/11/18
 
 
Passagem de ano. Soluções para todos os gostos e carteiras

Passagem de ano. Soluções para todos os gostos e carteiras

Sónia Peres Pinto 18/12/2017 19:58

No fim de ano há animação para todo o tipo de gostos e preferências: do luxo ao “low-cost”, escolha a melhor forma de entrar em 2018

“Ano novo, vida nova” e a maioria dos portugueses segue a máxima à risca. Por isso não é de estranhar que as perspetivas dos hoteleiros apontem para uma ocupação quase lotada. As viagens tanto no país como para o exterior continuam a ser a maior aposta.

De acordo com o estudo do Instituto do Planeamento e Desenvolvimento do Turismo (IPDT) em parceria com a Soltrópico, este ano os portugueses pensam gastar 270 euros na viagem (209 euros em 2016), contando com uma despesa por turista e por noite de 70 euros (mais 12 euros do que no ano anterior).

O estudo do IPDT regista um aumento da duração da estada média para o período em causa: 29,8% irá ficar fora três noites, 23,8% passará duas noites fora de casa e 26% vai ficar cinco ou mais noites no destino. Assim, a estada média aumenta de 3,49 para 3,77 noites e influenciará o gasto médio da viagem.

É sobre a região do Porto e Norte do país que recai a maior preferência entre os destinos internos, sendo escolhida por 40% dos turistas. Também o Centro cresce ligeiramente, com 24,4% das intenções, face aos 22% do ano passado. Em terceiro lugar, Lisboa e Vale do Tejo (14% em 2016, 8% em 2017) dá o lugar ao Alentejo, que será destino de 14% dos portugueses (9% em 2016).

Arrendar casa Para quem queira fugir das confusões dos hotéis, arrendar uma casa pode ser uma solução. Ao mesmo tempo, permite poupar um pouco mais, ja se afigura como uma solução por norma bem mais barata. Nos sites airbnb.com ou 9flats.com é possível divulgar um apartamento ou quarto que esteja disponível para alugar, assim como procurar acomodação em qualquer parte do mundo. As diferenças em relação a um site de aluguer normal é que estes funcionam como uma rede social e não existe intermediário.

Já no site OLX existem mais de mil casas disponíveis para a passagem de ano. De acordo com os últimos dados divulgados pela empresa, Faro é o distrito com mais casas disponíveis neste momento no portal (509 casas), seguido de Leiria (180 casas), Lisboa (97 casas), Braga (79 casas) e Setúbal (59 casas), respetivamente. Os contactos entre quem está à procura de casa e quem anuncia têm crescido diariamente à medida que a data se aproxima, sendo que os distritos que têm despertado um maior interesse e número de contactos são Faro (840 contactos), Leiria (747 contactos), Lisboa (425 contactos), Setúbal (398 contactos) e Braga (372 contactos).

Outras modas Mas nem todos desejam passar a noite de passagem de ano fora. Há quem prefira ir a uma festa – e aí encontrar a roupa ideal para a ocasião é o desafio que se coloca. E é perante este cenário que os vários sites de alugueres marcam pontos nesta noite, uma vez que permitem alugar vestidos, malas e acessórios de luxo a preços bastante reduzidos. Estão disponíveis vários modelos, adequados a diferentes tipos de cerimónias. Alugar um carro para chegar à festa mais badalada também é possível. Basta estar disposto a pagar por uma limusine ou, até mesmo, por um carro clássico nessa noite (ver ao lado).

Mas não é preciso gastar muito dinheiro para ter uma passagem de ano “à maneira”. Fazer uma festa em casa, ir para casa de amigos ou optar por animação de rua são algumas soluções que estão facilmente à mão e que satisfazem os portugueses que querem cumprir à risca o seu orçamento familiar sem gastos extra (ver coluna à esquerda).

Opções

Vestidos

Alugar roupa para a noite de fim de ano está-se a tornar uma prática comum em Portugal. As mulheres são as principais clientes de um negócio que dá prioridade aos vestidos. E são várias as ofertas. Existem sites destinados para este fim, como a Style in a Box ou a Chic by Choice, que contam com dezenas de vestidos de marcas tão desejadas como Valentino, Moschino e Galliano ou Carolina Herrera, entre muitas outras. O preço do aluguer começa nos 65 euros e pode chegar quase aos 200 euros por vestido, o que representa cerca de 15% do custo de aquisição na loja.

Malas

Tal como acontece com os vestidos também é possível alugar malas e outro tipo de acessórios. A ideia é combinar o aluguer dos acessórios com marcas de luxo como DVF, Valentino, Self Portrait, Cynthia Rowley, Raoul ou Tadashi Shoji. Os preços podem ir dos 25 até aos 50 euros, mas os valores são para quatro dias. Já para quem pensa em viajar também pode alugar uma mala para esse objetivo. O aluguer custa entre 4 e 8 euros por dia, mas terá de pagar uma caução de 20 euros. A reserva mínima é por quatro dias e a máxima por seis meses.

Carros

Se realmente quer impressionar nessa noite, então para uma chegada em grande impõe-se o aluguer de uma limusine. Mas se preferir também pode alugar um carro clássico. Em Portugal, já existem mais de 100 opções para alugar, entre carrinhas Volkswagen Pão de Forma, clássicos e limusines através da plataforma BookAClassic. Trata-se de um conceito inspirado na economia de partilha, em que os veículos disponibilizados são taxados à hora, havendo um período mínimo de aluguer de 2 horas. O preço por serviço vai de 45 aos mil euros.

Barcos

Desde veleiros a iates, quase todo o tipo de barcos está disponível para alugar nas mais variadas marinas do país. E aqui há oferta para todos os gostos, desde o aluguer de uma embarcação para um simples passeio na noite da passagem de ano até barcos onde pode realizar festas particulares e que ganham maior relevo numa noite como esta. É possível alugar um veleiro por um dia, desde que pague 695 euros por oito horas com capacidade até 12 passageiros. Lisbon By Boat, Ute Joost e Taguscruise são algumas das empresas que prestam este tipo de serviços.

Autocaravanas

Se preferir uma versão mais aventureira então a autocaravana pode ser uma opção para estes dias. O preço de uma autocaravana para um dia ronda os 65 euros (época baixa) até aos 110 euros (época alta), mas nesta altura poderá beneficiar do valor mais baixo. No entanto, para a época baixa, o período mínimo de aluguer é de três dias. As autocaravanas têm disponíveis alguns artigos mas é possível alugar extras como um GPS por 5 euros por dia, uma prancha de surf por 20 euros e até internet sem fios, entre muitos outras ofertas.

 

 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×