14/11/18
 
 
Oito detidos no caso do homicídio da jornalista dos Panama Papers

Oito detidos no caso do homicídio da jornalista dos Panama Papers

Jornal i 04/12/2017 11:29

Jornalista maltesa tinha 53 anos

O primeiro-ministro de Malta, Joseph Muscat, anunciou esta segunda-feira que foram detidas oito pessoas na sequência da investigação do assassinato de Daphne Caruana Galizia, a jornalista maltesa que foi assassinada em outubro.

A jornalista de 53 anos, que estava a investigar o caso dos Panama Papers e revelou vários casos de irregularidades e corrupção cometidos por políticos, foi vítima de um atentado com um carro bomba em outubro.

Num comunicado, o primeiro-ministro revelou que os suspeitos são todos malteses e que foram detidos pela polícia, Forças Armadas e os Serviços de Informações, que trabalharam na operação em conjunto.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×