7/4/20
 
 
Árbitros em greve. Quem poderá apitar?

Árbitros em greve. Quem poderá apitar?

Shutterstock André Vinagre 22/11/2017 11:32

Solução até pode passar pelos próprios jogadores.

Apenas três dos 76 árbitros das Ligas profissionais não pediram dispensa dos jogos do próximo fim-de-semana a contar para a principal Liga do futebol português.

Além dos árbitros principais, também os assistentes pediram dispensa ao Conselho de Arbitragem, o que faz com que provavelmente também não haja vídeo-árbitro nos jogos desta jornada.

Os árbitros alegam que não têm condições psicológicas para apitar devido ao ambiente de intimidação vivido no futebol português.

Ainda assim, os jogos vão mesmo realizar-se. Caso não haja árbitros disponíveis para o jogo, a primeira medida é recorrer à bancada e, se houver um árbitro oficial na plateia, terá de arbitrar. Caso haja mais do que um árbitro na bancada, terão de ser os delegados dos clubes e os capitães a selecionar. Se não houver consenso, será o observador dos árbitros ou um dirigente da Federação a decidir qual dos árbitros da bancada deverá apitar o jogo e se mesmo assim não se chegar a consenso, será feito um sorteio.

E se não houver árbitros na bancada? Em último caso, a decisão passa mesmo para os jogadores. Os delegados de cada equipa fazem um sorteio e o vencedor escolhe um jogador da sua equipa para arbitrar o jogo.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×