18/11/18
 
 
BES. Gestores de Salgado arrasados

BES. Gestores de Salgado arrasados

Raquel Wise Carlos Diogo Santos 18/11/2017 09:11

Comissão Liquidatária do BES quer que a insolvência seja declarada culposa. Ricardo Salgado, Morais Pires e mais 11 administradores são acusados de agir contra os interesses do banco a favor de terceiros.

A Comissão Liquidatária do Banco Espírito Santo (BES) arrasa Ricardo Salgado e o seu braço direito Amílcar Morais Pires num parecer que entregou há dias no Tribunal do Comércio de Lisboa e em que defende que a conduta de ambos e de outros onze administradores causou ao BES «um prejuízo patrimonial assaz grave».

Depois de terminar o julgamento da insolvência (em 2016), a Comissão Liquidatária considerou existirem motivos para abrir um incidente com o objetivo de que a ‘falência’ seja considerada culposa. A juíza Elisabete Assunção considerou fazer sentido o pedido desta comissão e o incidente foi aberto - deste novo processo só poderão ser extraídas consequências civis, como a inibição de os ex-administradores do BES virem a exercer funções durante um determinado período. 

O parecer com cerca de 350 páginas, que o SOL consultou nos últimos dias é o início deste novo processo cujo julgamento só deverá começar daqui a uns meses ou mesmo anos. E, dada a complexidade, até já há um procurador do Ministério Público em exclusivo para o caso - Paulo Gonçalves.

Leia o artigo na íntegra nesta edição do Semanário SOL

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×