19/9/18
 
 
Legionela. Ministro admite mais mortes

Legionela. Ministro admite mais mortes

João Girão Jornal i 11/11/2017 10:03

Adalberto Campos Fernandes, ministro da Saúde, prometeu que vai “agir com toda a firmeza” no “apuramento factual” da origem do surto de legionela que teve início no hospital de São Francisco Xavier.

O primeiro caso de legionela foi confirmado há 11 dias, no hospital de São Francisco Xavier, e agora já causou a morte a quatro pessoas. Além disso, o número de infetados continua a aumentar, apesar de se ter dito que o caso já estava em descréscimo, e há mais doentes graves que estão internados nos cuidados intensivos, uma vez que o número subiu para sete.

Esta sexta-feira o número de pessoas infetadas por legionela aumentou para 44, e o ministro da Saúde admitiu agora que podem surgir mais mortes.

Lamentando as mortes, Adalberto Campos Fernandes admitiu que "é possível que possa vir a acontecer um ou outro caso porque se trata de doentes com grande vulnerabilidade", e afirmou que "o risco está presente e vale a pena falar verdade aos portugueses porque essa probabilidade existe".

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×