14/11/18
 
 
Trump não se curvou perante Imperador japonês

Trump não se curvou perante Imperador japonês

AFP 06/11/2017 13:02

Donald Trump, ao contrário de Barak Obama em 2009, ficou-se por um aperto de mão no seu primeiro encontro com Akihito .

Trump e protocolos não condizem por natureza. O presidente dos Estados Unidos chegou  este domingo ao Japão, naquela que é a primeira paragem de uma viagem pela Ásia, que inclui a Coreia do Sul, China, Vietname e Filipinas.

Apesar do Departamento de Estado norte-americano aconselhar os presidentes e diplomatas a reconhecer os costumes locais, na lista de recomendações não inclui o conselho de se curvarem perante outros líderes. Porém, no Japão, as pessoas inclinam-se quando se cumprimentam, uma vez que na cultura japonesa, curvar-se perante um anfitrião é um sinal de respeito.

Quando em 2009 Obama seguiu os padrões culturais japoneses e se curvou perante o imperador Japonês, na sua primeira visita ao país, os críticos consideraram o cumprimento um sinal de fraqueza. Trump, ao contrário do seu antecessor, marcou o primeiro contacto com o imperador Akihito com um aperto de mão.

 

 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×