7/6/20
 
 
O que já se sabe sobre o atirador do Texas

O que já se sabe sobre o atirador do Texas

Jornal i 06/11/2017 10:47

O autor do ataque a tiro numa igreja batista no Texas, que matou 26 pessoas, chegou a servir na Força Aérea dos EUA.

O atirador, identificado como Devin Kelley de 26 anos, morreu na sequência do ataque, estando por confirmar se foi ele próprio que se matou durante a fuga, ou se foi abatido pelas autoridades ou pelos residentes da zona que entretanto começaram a perseguição.

A imprensa norte-americana refere que Kelley esteve na Força Aérea, mas que foi afastado ‘sem honras’, devido a uma condenação de violência doméstica.

Kelley vivia a mais de 50 quilómetros da pequena localidade de Sutherland Springs, onde fica a igreja por onde irrompeu, armado com uma espingarda de assalto e envergando um colete à prova de bala.

As mais de 25 vítimas mortais tinham idades entre os 5 e os 72 anos, há relatos que dão conta da morte de uma mulher grávida e de uma criança de seis anos que terá sido alvejada quatro vezes foi levada com vida para o hospital.

No seu perfil de Linkedin, Kelley aparece com um bebé ao colo, alguns órgãos da imprensa dos EUA estão a avançar que o atirador terá matado a mulher e o filho antes de partir para cometer o massacre em Sutherland Springs, mas a informação não foi confirmada oficialmente.

O atirador publicou no próprio dia uma fotografia de uma arma em cima de um sofá, com a seguinte legenda: ‘She'a a bad bitch’, ‘Ela é uma cabra má’.

As autoridades continuam a investigar o que terá motivado a tragédia.

O presidente dos EUA, Donald Trump, está fora do país devido a uma viagem pela Ásia, mas reagiu logo no domingo às notícias do ataque, solidarizando-se com as vítimas e garantindo estar a acompanhar a situação a partir do Japão.

 

Mais tarde, voltou a partilhar uma publicação no twitter onde faz uma declaração em vídeo.

 

 

 

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×