21/9/18
 
 
Roménia. Jogador sem uma mão estreia-se na Taça aos 18 anos (com vídeo)

Roménia. Jogador sem uma mão estreia-se na Taça aos 18 anos (com vídeo)

Facebook Lambru Bruno Venâncio 31/10/2017 17:35

Cosmin Lambru perdeu a mão esquerda aos sete anos, num acidente com um camião, e tem um português como ídolo

Uma história de superação que chega da Roménia. Aos 18 anos, Cosmin Lambru fez história ao estrear-se na Taça, ao serviço do Petrolul. Não está aqui em causa a idade do atacante, mas sim uma característica muito própria: Lambru não tem uma mão.

O jovem avançado ficou sem a mão esquerda com apenas sete anos, esmagada por um camião que se despistou. O infortúnio não o impediu de continuar a perseguir o sonho de ser futebolista profissional, cumprido o ano passado quando se estreou com a camisola da equipa principal do Petrolul.

A sua história voltou agora a merecer destaque nacional com a estreia na Taça: Lambru foi lançado no prolongamento do encontro com o Dacia Mioveni, que a sua equipa acabaria por perder nos penáltis depois de um empate (1-1) no tempo regulamentar. À primeira vista, tudo parece absolutamente normal, mas um olhar mais atento permite perceber que o jovem tem uma prótese a funcionar como mão esquerda.

"Passei um mês e meio internado. Deitado na cama do hospital, de costas, com o braço metido no abdómen, para regenerar os tecidos. Não podia mexer-me, de todo. Sempre que olho para a cicatriz lembro-me desse momento. Mas embora fosse uma criança disse a mim mesmo que não ia desistir do sonho de ser jogador", disse Lambru, numa entrevista recente ao "Libertatea".

A atual prótese já é a segunda utilizada por Lambru. A primeira, comprada na Roménia, deteriorou-se rapidamente. Esta foi-lhe facultada pela fundação de Alex Zanardi, o piloto italiano que perdeu as duas pernas na sequência de um acidente em 2001, mas que conseguiu regressar depois à competição. "Quando voltei ao futebol aprendi coisas novas. Especialmente a cair só com um braço. Não foi fácil, mas nunca me queixei. Nunca me queixo", ressalvou Lambru, numa entrevista onde se assumiu fã do Barcelona e de Messi, mas também de um ídolo português: Filipe Teixeira, atualmente no Steaua mas jogador do Petrolul entre 2013 e 2015.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×