15/11/18
 
 
Sporting. Pereira Cristóvão acusa Bruno de Carvalho de favorecer a mulher

Sporting. Pereira Cristóvão acusa Bruno de Carvalho de favorecer a mulher

Pedro Azevedo Jornal i 03/10/2017 12:59

“Existe ou não benefício pessoal quando a sua atual mulher, após casamento, vê o seu ordenado aumentado várias vezes para ir para uma função que não existia?”

Paulo Pereira Cristóvão, antigo vice-presidente do Sporting, acusou Bruno de Carvalho de beneficiar a sua mulher, Joana Ornelas, dentro do clube.

Numa nota publicada pelo jornal O Jogo, Pereira Cristóvão pede ao Conselho Fiscal do Sporting que “atue disciplinarmente sobre o sócio Bruno Miguel Azevedo”.

“Existe ou não benefício pessoal quando a sua atual mulher, após casamento, vê o seu ordenado aumentado várias vezes para ir para uma função que não existia? É ou não verdade que num jogo de "casa cheia" como o Sporting-Barcelona, deu instruções para serem entregues 90 bilhetes à sua mulher? É ou não verdade que usa meios de transporte e motoristas do clube para transporte de familiares seus como se os carros e os funcionários fossem sua propriedade? Quem paga os milhares e milhares de euros em multas que Bruno Miguel Azevedo tem sido condenado por atos que ocorreram por sua decisão pessoal e unicamente pessoal? O Sporting ou ele mesmo?”, questiona Pereira Cristóvão.

Além disso, o antigo dirigente do clube de Alvalade diz que “contra ele [Bruno de Carvalho] correm, pelo menos, dois processos-crime (que foram devidamente identificados) pela prática em abstracto de dois crimes de difamação agravada, um crime de devassa da vida privada por meio informático e um crime de incitamento à prática de crime, ilícitos estes praticados contra sócios do Sporting Clube de Portugal e em exercício de funções de presidente por parte de Bruno Miguel Azevedo”.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×