19/11/17
 
 
Comer menos prolonga a esperança de vida

Comer menos prolonga a esperança de vida

Shutterstock Jornal i 11/09/2017 21:17

O estudo realizado permite confirmar os efeitos positivos das dietas nos humanos, indicou Zhao Liping

Uma equipa de cientistas chineses da Universidade de Jiaotong, em Xangai, na China, assegura ter descoberto, através de experiências em ratos, que a menor ingestão de calorias pode mesmo ajudar a aumentar a esperança de vida em muitos animais e humanos.

De acordo com o Shanghai Daily, os testes em ratos demonstraram que comer menos, favorece a expansão da flora bacteriana saudável no aparelho digestivo, o que faz reduzir o número do tipo de bactérias cuja atividade é prejudicial ao organismo.

O estudo de Jiaotong permite confirmar os efeitos positivos das dietas nos humanos, indicou Zhao Liping, o investigador chefe da Escola de Biotecnologia e Ciências da Vida da Universidade chinesa.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×