16/11/18
 
 
Vila Real. Dois meios aéreos reforçam combate às chamas

Vila Real. Dois meios aéreos reforçam combate às chamas

José Sérgio Joana Marques Alves 10/08/2017 08:53

Ao início da manhã, 420 homens e mulheres combatiam o incêndio

A serra do Alvão, no concelho de Vila Real, continua a ser destruída pelas chamas. De acordo com informação da Proteção Civil, um incêndio lavra naquela zona desde quarta-feira. Esta manhã, o combate às chamas será reforçado com o uso de dois meios aéreos.

Ao início da manhã, 420 homens e mulheres combatiam o incêndio, com a ajuda de 120 viaturas. A principal preocupação neste momento é o vento, que poderá influenciar a evolução da situação.

O alerta foi dado ontem, pelas 16h27, junto à aldeia de Paredes. No entanto, precisamente devido ao vento forte que se fazia sentir, as chamas propagaram-se rapidamente para outras zonas. Cinco bombeiros e um civil ficaram, ontem à noite, ligeiramente feridos, devido a queimaduras, inalação de fumo e uma queda.

Entretanto, a câmara já ativou o plano municipal de emergência de proteção civil de Vila Real.

Recorde-se que, em agosto de 2005, as aldeias da encosta do Alvão foram afetadas por um grande incêndio, que levou à retirada de cerca de 200 pessoas das suas casas e à destruição de cerca de sete mil hectares.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×