24/9/18
 
 
Condenado a prisão homem que mantinha cadela sem comida e sem água

Condenado a prisão homem que mantinha cadela sem comida e sem água

Shutterstock Jornal i 11/07/2017 11:02

O animal estava preso sem qualquer abrigo para o proteger e tinha vários ferimentos

Um homem foi condenado a 10 meses de prisão por maus-tratos a uma cadela que mantinha num armazém, pelo tribunal de Gijón, na Espanha.

O homem passava longos períodos de tempo sem se preocupar com o animal e, de acordo com o jornal El Mundo, foram os vizinhos que alertaram as autoridades para o mau estado da cadela.

Quando as autoridades chegaram ao local, a cadela estava sem água, sem comida, com ferimentos e sem qualquer abrigo para se proteger.

A cadela foi examinada por um veterinário e concluiu que a mesma tinha uma fratura no fémur, já antiga que não tinha sido tratada, pelo qual foi necessário amputar uma das patas, tendo ainda desenvolvido artroses e uma infeção nos ossos e nos tecidos moles.

O homem, ao ser interrogado, não mostrou sentir qualquer remorso pela forma como tratava o animal, afirmando que a cadela servia de guarda do armazém e que não deixava que lhe dessem comida porque se não o animal não vigiava o recinto, sendo essa a sua função.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×