20/9/19
 
 
“La décima” está conquistada ou não fosse Nadal dono e senhor da terra batida

“La décima” está conquistada ou não fosse Nadal dono e senhor da terra batida

AFP Laura Ramires 11/06/2017 19:42

O espanhol Rafael Nadal bateu sem dificuldades o tenista suíço Stan Wawrinka e chegou ao seu décimo troféu em Roland Garros!

Imparável! Rafael Nadal conquistou este domingo o seu primeiro Grand Slam da temporada, mas o décimo título em Roland Garros, ele que já era o recordista de troféus no torneio parisiense. Eram 9, até ontem (2005, 2006, 2007, 2008, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014), mas ‘la décima’ acabou mesmo por chegar naquele que foi o maior período de tempo em que Rafa esteve sem ganhar o segundo Grand Slam do ano (três anos, mais precisamente). 

O espanhol só precisou de três sets, pelos parciais de 6-2, 6-3 e 6-1, para afastar Stan ‘The Man’ e se sagrar campeão de Roland Garros, num ano em que está a ‘devorar’ os principais torneios disputados em terra batida!

Em Abril, Rafael Nadal conquistou o ATP Masters 1000 de Monte Carlo e, na semana a seguir, o ATP de Barcelona. Com a vitória em Paris, soma o seu terceiro título do ano (todos eles em terra batida) e o seu 72.º troféu da carreira!

Atualmente com 15 títulos em Grand Slams (aos dez já mencionados juntam-se ainda o Wimbledon, conquistado, por duas vezes, em 2008 e 2010, o Open da Austrália, vencedor em 2009, e o US Open, campeão em 2010 e 2013), Nadal ultrapassou Pete Sampras, com 14 títulos, no ranking de mais titulados em Grand Slams e fica a uma distância de quatro troféus de Roger Federer, líder da tabela com 18 títulos nos quatro mais importantes torneios de ténis do mundo.

O triunfo permite também a Nadal uma subida de dois lugares no ranking mundial. Atualmente no 4.º lugar da hierarquia, Rafa irá assumir o segundo posto do ranking ATP, que pertence a Novak Djokovic, que continuará, apesar da vitória, a ser liderado pelo britânico Andy Murray (semi-finalista vencido, naquela que foi uma autêntica final antecipada de Roland Garros!).  

Final antecipada Recorde-se que foram precisas quatro horas e trinta e quatro minutos (!!) para encontrar o vencedor da primeira semi-final masculina de Roland Garros. Stan ‘The Man’ acabou por se sagrar o vecedor do duelo que acabou por ser uma autêntica final antecipada! Num embate que precisou de cinco sets, o suíço acabou por bater Murray, depois de perder o set inaugural e o terceiro pelos parciais de 6-7 (6), 6-3, 5-7, 7-6 (3), 6-1. Wawrinka, campeão do torneio em 2015, perdeu, pela primeira vez uma final de um torneio de um Grand Slam. O suíço procurava alcançar o seu quarto título num dos mais importantes torneios de ténis do mundo depois de conquistar o Open da Austrália, em 2014, diante de Rafael Nadal, o já referido Roland Garros, em 2015, e o US Open, em 2016, estes dois últimos sobre o sérvio Novak Djokovic. 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×