22/9/18
 
 
João Soares defende que Pereira Gomes “não tem condições” para ser secretário-geral das secretas

João Soares defende que Pereira Gomes “não tem condições” para ser secretário-geral das secretas

José Sérgio Luís Claro 06/06/2017 13:19

Ministros dos Negócios Estrangeiros insiste no nome de Pereira Gomes e garante que é uma “muito boa escolha” 

O deputado socialista João Soares defende que José Júlio Pereira Gomes “não tem condições para poder vir a ser, com a autoridade desejável e necessária” o próximo secretário-geral do Sistema de Informações da República Portuguesa (SIRP).

O ex-ministro de António Costa escreve, na sua página do Facebook, que “o senhor embaixador Pereira Gomes deveria renunciar, já, à possibilidade de vir a ocupar tal cargo”.

João Soares considera que Pereira Gomes “não teve, infelizmente, um comportamento exemplar durante a crise timorense, bem pelo contrário”.

O embaixador português em Estocolmo, Pereira Gomes,  foi o nome indicado pelo governo para substituir Júlio Pereira.

Ana Gomes foi a primeira a contestar o perfil de Pereira Gomes para ocupar o cargo. “Não inspira confiança e autoridade junto dos seus subordinados nos serviços de informação”, disse ao Diário de Notícias a eurodeputada do PS.

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, também recordou que " quando Pereira Gomes chefiava a missão em Timor houve vários episódios bastante complicados e nunca antes esclarecidos". O que levou o Bloco de Esquerda a defender que o governo deve “reconsiderar” a escolha.

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, defendeu hoje que o novo secretário-geral do Serviço de Informações é uma “muito boa escolha”. O ministro está confiante que “todos os esclarecimentos serão dados” e “todas as questões serão esclarecidas”.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×