20/11/18
 
 
Autópsia de Chris Cornell revelou sete tipos de drogas diferentes no seu organismo

Autópsia de Chris Cornell revelou sete tipos de drogas diferentes no seu organismo

Jornal i 05/06/2017 15:22

A autópsia veio indicar que a morte do músico foi suicídio

Os resultados da autópsia de Chris Cornell confirmaram que a morte do cantor foi suicídio. De acordo com o relatório médico forense, foram detetados no corpo do cantor sete tipos de drogas, incluindo uma quantidade significativa de um medicamento para a ansiedade.

Em relação ao medicamento para a ansiedade, sabe-se que afeta o equilibro mental, podendo levar a pensamentos suicidas. No entanto, os valores encontrados no organismo de Chris não eram suficientes para originar esse tipo de pensamentos.

“Eu e as minhas crianças estamos de coração partido e devastados por não podermos voltar atrás no tempo. Apreciamos todo o amor que temos recebido neste momento extremamente difícil”, afirmou Vicky Cornell, a mulher de Chris, à revista Rolling Stone.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×