26/9/18
 
 
Bloco de Esquerda alerta para falta de vacinas em Almada

Bloco de Esquerda alerta para falta de vacinas em Almada

Jornal i 05/05/2017 20:23

Partido recebeu denúncia de que vacinas estão esgotadas há três meses

O Bloco de Esquerda questionou hoje o Ministério da Saúde sobre a falta de vacinas no Centro de Saúde do Laranjeiro/Feijó que vem a ocorrer de há três meses para cá. Segundo a pergunta do partido, a que o i teve acesso, estão esgotadas as vacinas que as crianças devem fazer aos quatro meses de idade de acordo com o Plano Nacional de Vacinação (PNV).

O BE diz ter recebido uma denúncia de que a informação de que as vacinas estão esgotadas está a ser dada aos pais, a quem é pedido um contacto direto para aviso aquando da reposição do stock. “Os pais e as crianças não têm, portanto, a indicação de uma solução alternativa”, diz o Bloco.

Segundo o PNV em vigor este ano, às crianças com quatro meses de idade devem ser administradas as segundas doses de vacinas tomadas aos dois meses. As vacinas em falta são a DTPa, Hib e VIP (contra a difteria, o tétano, a tosse convulsa [DTPa], as infeções por Haemophilus influenzae b [Hib] e a poliomielite [VIP]), e a Pn13 (vacina conjugada de 13 valências contra as infeções por Streptococcus pneumoniae).

O Bloco considera que, tendo em conta que o PNV deve ser respeitado dentro dos tempos recomendados, a situação parece “muito preocupante, dado que os objetivos de prevenção poderão ser colocados em risco e, sobretudo, a saúde das crianças não vacinadas e de eventuais terceiros.” O BE lembra a ainda a atual discussão em torno da importância da vacinação das crianças e jovens e dos recentes casos de sarampo para pedir que a situação seja “regularizada o mais depressa possível” ou que, em alternativa, as crianças sejam encaminhadas para outras unidades de saúde.

Assim, o partido pretende saber se o ministério da Saúde tem conhecido desta situação e que medidas estão a ser tomadas. O partido quer também saber se esta é um caso isolado ou se a tutela tem conhecimento de vacinas esgotadas noutros centros de saúde do país.

 

 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×