14/10/19
 
 
Grécia. Federação confirma sétimo título consecutivo do Olympiacos

Grécia. Federação confirma sétimo título consecutivo do Olympiacos

Facebook Olympiacos Bruno Venâncio 26/04/2017 13:54

O crónico campeão grego foi punido com quatro jogos à porta fechada, mas não sofreu perda de pontos

A dúvida pairou durante dois dias: o Olympiacos sagrou-se campeão grego pela sétima temporada consecutiva no passado domingo, com a goleada por 5-0 sobre o PAS Gianinna, e fez a festa no campo, mas o título ainda era apenas à condição.

Isto, porque corria na justiça desportiva grega um processo contra o crónico campeão grego, devido a distúrbios dos seus adeptos no jogo da primeira mão das meias-finais da Taça, com o AEK de Atenas, que lhe podia custar seis pontos - exatamente o mesmo número de pontos que tem de vantagem sobre o segundo classificado, o PAOK.

No entanto, a Federação grega acabou por punir o Olympiacos "apenas" com quatro jogos à porta fechada (e 150 mil euros de multa), pelo que o gigante de Atenas é agora oficialmente campeão grego - embora o PAOK tenha anunciado que ainda vai recorrer da decisão.

No plantel do Olympiacos constam várias caras conhecidas do futebol nacional. Desde logo os portugueses Diogo Figueiras e André Martins, mas também Manuel da Costa, que representou Portugal nas camadas jovens e hoje é internacional por Marrocos, Oscar Cardozo (paraguaio ex-Benfica) ou Sebá (brasileiro ex-FC Porto e Estoril). Gonçalo Paciência, agora no Rio Ave, e Felipe Pardo (ex-Braga), agora no Nantes de Sérgio Conceição, também foram utilizados na primeira metade da época, pelo que celebraram igualmente a conquista do título. Tal como Paulo Bento, que orientou o conjunto durante sete meses, tendo sido afastado em março, após uma sequência de três derrotas consecutivas para o campeonato - que liderava, ainda assim, de forma confortável.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×