17/11/18
 
 
Porta dos Fundos comprada por grupo de media americano

Porta dos Fundos comprada por grupo de media americano

D.R. Jornal i 23/04/2017 17:36

Criadores do fenómeno do YouTube garantem que Viacom não irá interferir nos conteúdos.

Com a promessa de que não irá interferir nos conteúdos, a Viacom International Media Networks, proprietária da Paramount Pictures, da MTV e de outros canais por cabo, entre os quais a Comedy Central brasileira, anunciou a compra de 51% da produtora independente de conteúdos humorísticos Porta dos Fundos, fundada em 2012 no YouTube para rapidamente se tornar num fenómeno no Brasil e não só.

A prova é esta aquisição da Porta dos Fundos pela Viacom, que surge enquadrada numa estratégia de ampliação para a América Latina, como explicou o seu presidente, Pierluigi Gazzolo, citado pela norte-americana Variety. “Numa continuação do nosso crescimento na região da América Latina, o investimento na Porta dos Fundos aprofunda o nosso compromisso para com o mercado brasileiro e aumenta a nossa capacidade de criar conteúdos inovadores.” Em novembro passado, já a Viacom tinha adquirido a Telefe, uma das principais emissoras televisivas da Argentina.

Os valores deste último negócio não foram revelados mas a Porta dos Fundos garante que ficou salvaguardada a liberdade total na produção dos conteúdos. “Esta jogada é um grande passo do grupo em direção ao mercado internacional, com novas oportunidades globais para o nosso portfolio tanto online como offline”, fez saber a CEO da Porta dos Fundos, Tereza Gonzalez, acrescentando que “além disso, o acordo garante canais de distribuição excecionais para os nossos conteúdos”.

O objetivo é que a Viacom e a Porta dos Fundos passem a colaborar na criação de novas produções tanto para plataformas online como offline, incluindo para canais televisivos brasileiros. 

Fundada em 2012 pelo realizador Ian Fernandes, conhecido como Ian SBF, e pelos atores Antonio Tabet, Fábio Porchat, Gregório Duvivier e João Vicente de Castro, com a publicação de um conjunto inicial de sketches no YouTube, a Porta dos Fundos não precisou de mais do que seis meses para alcançar 30 milhões de visualizações na plataforma online de partilha de vídeos, e com isso a liderança do canal no Brasil, perdida apenas no ano passado para o humorista Whindersson Nunes.

Atualmente o canal da Porta dos Fundos no YouTube conta, de acordo com os dados da VidStatsX, com mais de 13 milhões de subscritores e é considerado pela Zefr, uma empresa tecnológica de vídeo, o canal global de maior influência da plataforma de partilha de vídeos.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×