13/11/18
 
 
Finalistas portugueses revoltados com expulsão de hotel em Espanha

Finalistas portugueses revoltados com expulsão de hotel em Espanha

Shutterstock Jornal i 09/04/2017 09:50

"Escrevemos no livro de reclamações mas deitaram as folhas para o lixo"

Foram mais de 1000 alunos portugueses que foram expulso de um hotel em Torremolinos, no Sul de Espanha, a meio da viagem de finalistas do ensino secundário.

Segundo o "El Pais" os estudantes foram obrigados a abandonar o local por terem "destruído azulejos, atirado colchões pelas janelas, esvaziado extintores nos corredores do hotel e colocarem uma televisão na banheira", todavia o responsável do grupo nega as acusações.

"Pagámos [450 euros] por pensões completas e não foi isso que aconteceu. A comida, a higiene dos quartos e as mudas de toalhas deixaram muito a desejar", disse o responsável do grupo de Braga, Miguel Candeias, de acordo com o Correio da Manhã.

"Acusaram os portugueses de terem destruído o primeiro andar do hotel mas fui verificar e não vi nada estragado. Escrevemos no livro de reclamações mas deitaram as folhas para o lixo", lê-se na mesma publicação.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×