15/11/18
 
 
JS contra regresso do serviço militar obrigatório

JS contra regresso do serviço militar obrigatório

João Porfírio Luís Claro 07/04/2017 11:50

Líder dos jovens socialistas diz que não há "nenhuma razão" para ponderar reintrodução do SMO 

A Juventude Socialista contesta a posição defendida por alguns deputados do PS no sentido de abrir uma discussão sobre o regresso do serviço militar obrigatório (SMO). O debate foi retomado em alguns países europeus, mas o secretário-geral da JS, Ivan Gonçalves, defende que, em Portugal, não existe nenhuma razão para voltar a obrigar os jovens a cumprirem o serviço militar

"Regressar a um modelo de SMO seria um verdadeiro retrocesso civilizacional, pelo que não vislumbramos, neste momento, nenhuma razão substantiva que nos leve a considerar que esta deva ser uma matéria passível de ser revertida", diz ao i o líder dos jovens socialistas.

Ivan Gonçalves defende que o debate deve centrar-se na "melhoria das condições laborais dos jovens que optem por ingressar nesta carreira".

A possibilidade de abrir um debate sobre o regresso do SMO é admitida por alguns socialistas. Ascenso Simões, que pertence à comissão parlamentar de Defesa, defende, na edição desta sexta feira do i, que “o parlamento deveria criar uma subcomissão para elaborar um relatório que permita uma releitura rigorosa da situação e as alternativas para o futuro”.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×