12/7/20
 
 
Boeing fecha negócio com companhia aérea iraniana

Boeing fecha negócio com companhia aérea iraniana

Magalhães Afonso 04/04/2017 12:54

A norte-americana Boeing anunciou que chegou a acordo com Aseman Airlines para a venda de 30 aviões 737 MAX por 3 mil milhões de dólares. A companhia aérea do Irão tem a opção de compra de mais 30. 

“A Boeing confirma a assinatura do Memorando de Entendimento com a iraniana Aseman Airlines que expressa a intenção da companhia aérea em comprar 30 aviões Boeing 737 MAX por um preço de 3 mil milhões de dólares”, revela a fabricante norte-americana.

“O acordo também garante à companhia aérea direitos de aquisição de mais 30 737 MAX”, acrescenta o comunicado da empresa dos EUA.

A entrega dos aviões está agendada para começar em 2022, disse a Boeing, acrescentando que um contrato desta envergadura “cria e mantém aproximadamente 18000 postos de trabalho nos EUA”.

A construtora aérea revela ainda que vai “continuar a seguir a liderança do governo dos EUA no que diz respeito os negócios com as companhias aéreas do Irão” acrescentando que todos estes contratos estão dependentes da aprovação da administração norte-americana”.

O acordo só foi possível depois do acordo nuclear de 2015 no qual Teerão acordou reduzir a sua atividade nuclear e submeter-se a inspecções da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA) em troca de uma redução das sanções económicas.

Durante a campanha eleitoral, o presidente norte-americano, Donald Trump, afirmou querer “desmantelar” o acordo nuclear assinado pelo Irão e seis potências internacionais, incluindo os EUA. 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×